Rock In Rio 2011 começa hoje e pastor afirma que Deus usa as bandas Metallica, Coldplay e Green Day.

07:11

Para o pastor da cultura pop da Christian Reformed congregation at New Hope Church em Calgary, John Van Sloten, a banda estadunidense de heavy metal Metallica, o filme Bater e até mesmo as pinturas do holandês artista pós-impressionista Vincent van Gogh têm uma coisa em comum. Os 49 anos de idade o pastor afirma que Deus está enviando mensagens através de todos eles.


Van Sloten ficou conhecido a anos atrás quando estava usando Senhor dos Anéis, como parte de seus sermões, desde então, ele causa polêmica ao comentar sobre filmes como “Paixão de Cristo, Gran Torino e Homem-Aranha, assim como bandas como Coldplay e Green Day.

“Um garoto me pediu para pregar sobre a banda Metallica. Eu meio que disse,” sim, claro “, e disse a ele que oraria sobre isso, no dia seguinte alguém da nossa igreja me presenteou com bilhetes para um show do Metallica “, riu Van Sloten enquanto bebia um café numa cafeteria de Calgary.

“Então, minha esposa e eu fomos ao show e teve um momento durante a apresentação profundo e intenso em que as essas pessoas compartilhavam um lamento e uma sensação de injustiça sobre como asneira do mundo é”, explicou.

“Isso me marcou e então fui conhecer mais a banda e enquanto eu lia as letras das músicas uma verdade bíblica ou uma passagem vinha a minha mente.”

Na música Creeping Death, um dos trechos diz: Morra pela minha mãos.Eu fico pela terra. Matando o primeiro filho homem. “Metallica escreveu essa música baseado na 10 pragas do Egito”, disse Van Sloten.

” Vi essas conexões entre a verdade bíblica e Metallica como verdade de heavy metal. Quando as coloquei lado a lado fiquei convencido de que o Metallica estava pregando.”

O boato que Van Sloten estava pregando sobre o Metallica em seu sermão rapidamente chegou até a produção da banda que enviou uma equipe de filmagem para a igreja para filmá-lo. “Era nítido que o Metallica ficou intrigado com isso e resolveu filmar o sermão para que eles pudessem ver uma igreja pregar a respeito deles. Não apenas na forma como eles achavam que as pessoas iriam pregar sobre eles, mas vendo-os como profetas do Velho Testamento “, diz ele

O incidente do Metallica foi a inspiração para Van Sloten escrever o texto com o título: The Day Metallica Came to Church: Searching for the Everywhere God in Everything (Square Inch, August 2010).

O artigo não é um livro de metal pesado são vários capítulos onde o pastor descorre sobre as pinturas de Van Gogh, a música do Metallica e alguns filmes incomuns, como Bater e até o sombrio Country for Old Men. “Eu faço um paralelo entre esse filme e o Salmo 73.

Fonte: A Canadian Press / Gospel+

Tradução: Guia-me

Contribuição: Silvia Saron

You Might Also Like

1 comentários

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images